Sindicato repudia aumento da alíquota previdenciária. Não iremos aceitar este prejuízo!

Após um ano de tantas dificuldades e lutas para garantir o devido respeito da categoria e valorização em meio à pandemia do Coronavírus é lamentável que o Governo Federal, logo após as eleições, continue com seus desmandos e tente novamente minar os direitos da classe trabalhadora, em especial dos Servidores públicos municipais.

Apesar de haver uma determinação federal para que se altere o valor da alíquota, a diretoria do Sindicato também foi pega de surpresa com essa votação. Pois entendemos que tal ação poderia ter sido realizada em um período mais apropriado e de outra forma, uma maneira menos agressiva e prejudicial aos trabalhadores. O Sindicato sempre cobrou durante as negociações uma compensação caso fosse aumentada a alíquota, aplicando um reajuste moderado para não haver redução salarial.

Aumentar o desconto previdenciário significa diminuir ainda mais o poder aquisitivo dos Servidores da cidade de Osasco. Lamentável, para não dizer crueldade, ver que neste momento de pandemia onde muitas famílias tem alguém desempregado em casa, o Governo mande um projeto de tamanho descalabro e desrespeitoso aos Servidores. O Sintrasp analisará profundamente a lei e buscará as medidas cabíveis para barrar esse absurdo.

OPINIÃO DO SINTRASP

Lamentamos profundamente. É vergonhoso saber que é desta forma que os políticos agradecem a reeleição. Prejudicando e dificultando ainda mais o ano de 2021. Garantimos aqui nosso compromisso de analisar esta lei e fazer o possível para que este projeto cruel não siga em frente. Os Servidores de Osasco podem contar com Sintrasp para lutar e defender seus direitos”, afirma o presidente Antônio Rodrigues dos Santos (Toninho do Caps).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *